Review – Necessary Roughness 1×03 – Spinning Out

Às vezes, parece que a vida passa rápido demais, como se estivéssemos numa corrida, indo a 160km/h. E quando se está indo tão rápido… Qualquer coisa pode acontecer. Quando um carro perde o controle, é óbvio. Mas quando uma pessoa perde o controle, geralmente, você não nota até ela bater num muro. (Dra. Dani)

No terceiro episódio de “Necessary Roughness” – exibido pela USA Network em 13 de julho de 2011 e intitulado “Spinning Out” – a Dra. Dani Santino (Callie Thorne) assume Billy “The Kid” Rhodes (Matt Barr) como seu cliente. Billy é um promissor piloto da equipe Pittman que sofreu um acidente em uma das provas no circuito de corridas e está com medo de voltar às pistas. Esta equipe pertence a Marshall Pittman o mesmo dono do New York Hawks, time para o qual a Dra. Dani trabalha, que aparentemente não aceita um “não” como resposta e usa Nico (Scott Cohen) para garantir-lhe isto. Automedicação, bebida, festas e nada de corridas resumem bem a vida de Billy pós-acidente. Cabe a Dra. Dani descobrir uma forma de fazê-lo voltar às corridas.
A Dra. Dani ainda tem que lidar com T.K. (Mehcad Brooks), seu principal cliente, que não para de trazer problemas tanto para o Hawks quanto para a própria Dani, já que uma conselheira judicial foi até a sua casa, de surpresa, justo no momento em que T.K. e Rochelle, uma de suas muitas namoradas, estão por lá mexendo na cozinha de Dani e após T.K. quase ter quebrado o nariz de Ray Jay (Patrick Johnson II). A conselheira avisa que está ali para determinar quem terá a guarda dos seus filhos adolescentes (como vimos no episódio 2, o marido de Dani está usando T.K. contra ela) Ray Jay e Lindsay (Hannah Marks). Desta vez, o problema de T.K. com o Hawks tem a ver com rivalidade, o medo de perder sua posição para Shane, jogador da equipe que também está em ascensão.
Então, não percam o controle! ; ) Torço para que a Dra. Dani consiga trazer um pouco mais de controle à sua vida, que ela consiga a custódia dos filhos, ajude T.K. a chegar a raiz dos seus problemas logo e, finalmente, que ela possa reatar com o gatíssimo Matt (Marc Blucas). Não vejo a hora de ver o próximo episódio e vocês? Até a próxima.

Publicado em julho 16, 2011, em Necessary Roughness, Review. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: