Review – Sirens (UK) 1×06 – Cry (Season Finale)

Morno, muito morno. Eu esperava mais dessa Season Finale.

O episódio todo teve sua história geral: Stuart buscando uma reação emocional para ir no funeral de seu pai. Mas chorar não é uma coisa fácil para Stuart, então no conceito dele ele tinha que viver os momentos do pai dele, para depois enterá-lo.

Aquele início foi meio tosco, mas me pegou de surpresa um paramédico tirar uma flecha cravada no peito de Stuart criança e atravessada no outro lado. O fato de Stuart ser assim desse jeito, um estilo arrogante e sem “sentimentos”, é por causa do pai que tinha abandonado. Ai um dia no trabalho, chega uma mulher (a madrasta) que fala que o pai dele morreu. Achei estranho ele não ter reação nenhuma, nem mesmo ficando em casa sozinho, olhando seu reflexo na TV, esperando aquele Stuart chorar.

Aí Stuart decide ir na casa onde seu pai morava, bate na porta, e encontra um garoto. Depois a madrasta de Stu aparece, e fala que esse filho era irmão dele, que também se chamava Stuart. Criatividade nada né? Ou será porque o pai dele queria lembrar do filho que estava longe? Enfim, a cena que os três ficam conversando na sala, é meio nostálgica, porque o Stu (grande) estava olhando seu irmão falar, ele teve flashbacks do seu pai sentado na poltrona, lendo o jornal. O irmão dele, “O Pequeno Stuart”, tem as mesmas opiniões do Stuart, tipo o menino de 12 anos, tem razões, opiniões maduras, formadas e arrogantes e pensa como adulto. Até o jeito que ele coloca o molho na comida é igualzinho ao que Stuart faz, eles são bem parecidos. Boa parte daí pra frente, os dois Stuart’s ficaram passando tempo, dois irmãos passando o tempo perdido.

 Outra parte que não gostei desse episódio, foi Maxine e Craig. Como que ela aguenta esse cara? Os dois estavam tão bonitinhos episódio passado, mas pelo amor de Deus, tinha que finalizar isso já, e tinha que ser um lance bem dramático. Eles estão vivendo como um casal, mas não estou gostando!
Ah qual é! Olha a bagunça que ele faz chamando uns amigos pra beber na casa dela e ela tem que limpar tudo depois. Max por favor, se você quer que eu te respeite, joga fora esse lixo. Daí teve era o aniversário dela, Stuart leva o Stuart pra lá, e o moleque é obrigado a ver um monte de gente se beijando quase tirando a roupa. Pelo menos ele serviu de alguma coisa ali, encorajar Stuart a se despedir de Max, que a pegou de surpresa, beijando-a. Foi muito bonito as palavras dele, porém meio tarde de dizê-las. Uma das melhores cenas do episódio.

Quanto ao Rachid, ele foi promovido? Não entendi muito bem. Ele era estagiário e agora foi aprovado para trabalhar de verdade. Foi um aperto no coração ver todos os paramédicos desejando felicidades à ele, ainda mais Stuart e Ashley. Eles deixaram de ser um trio? Tipo, Ashley e Stuart sozinhos no 1×04, foi tão estranho mas quase me esqueci de Rachid, enfim. Rachid enquanto isso com o Carl Gordo foi bem engraçado, haha.

Ashley ganhou um marido temporário? Ou o cara que é folgado mesmo? É meio estranho, você querer dormir com uma pessoa, aí quando você acorda ela ainda está lá, ai quando volta depois a noite, ela ainda está lá! Tipo, o cara fez comida pro Ash, passou dias convivendo com ele, e fiquei me perguntando nessa storyline, porque que Ash não tomou atitude? Porque que ele não se aproximou mais do cara e tal, simplesmente ele pegou a ideia que Rachid falou que os outros pensam dele: Ash é um solitário e precisa de alguém. Ai o Ashley expulsa o “marido” da casa dele? Poxa Ash, esperava mais de você. Enfim, foi uma boa história pra uma final de temporada, só que mal usada.

E na cena final? A melhor de todas! Stuart tem um plano de ir pro funeral, e para não atrapalhar seu trabalho, pede a Ashley pra ligar na ambulância dizendo que tem emergências no crematório, e enquanto isso Rachid sabendo que Ash e Stu pegaram o caso, foi atrás deles sabendo que era sobre o pai de Stuart. Stu liga urgente pra Max pegar um terno pra ele, e enquanto eles atravessando a rua, um maldito automóvel entra na via que eles estavam indo, ficando encurralados. Por sorte, Rachid aparace na outra van, expulsando o Carl de lá para os dois sentarem (afinal que merda de opinião esse Carl tinha?). Chegando na igreja, Maxie
dá o terno pra Stuart vestir, e fica um lixo haha. Nada importava pra ele agora, apenas ir no funeral de seu pai, quando o padre fala que tinha acabado 10 minutos atrás. Stuart então, sem saber o que fazer e em estado de luto, pede para Rachid levantá-lo em cima da van, e ele fica olhando o cenário do cemitério, resolvendo tirar suas roupas, peça por peça, ficando só de cueca, ele deita e chora. EU SABIA que ele ia chorar! Isso era óbvio, mas eu esperava mais da cena do choro, porém foi legal.

Bom, visando geral, eu adorei Sirens e digo desde o piloto, me importei com os personagens. O jeito de pensar, as formas de agir, foi completamente uma série diferente. Mas nem todos os episódios foram perfeitos, tecnicamente só os três primeiros foram ótimos, enquanto os três últimos meio que se perderam. Infelizmente a má noticia de se você se apaixonar por uma série britânica, é que ela tem poucos episódios, sendo apenas uma temporada por ano. Me desculpem se demorei demais pra postar essa review, mas é porque ver o último episódio de Sirens que só volta a 2° Temporada ano que vem (Ou não, espero que sim), é bem frustrante. Peço desculpas também por começar a fazer review de Sirens meio tarde, peguei a série quando já estava no 1×04 eu acho, e não ia fazer Review nessa Summer Season, só quis fazer quando vi o lindo episódio “1×03- I.C.E“. Mas fazer o quê, se tenho um compromisso com o blog, tenho que ver não importa se é uma Series Finale, o que não é o caso (talvez, espero que não). Até o ano que vem!

P.S¹: E o prêmio de Emergência mais ridícula da Temporada vai para: o vovô e o seu periquito que morreu, fala sério, tanta gente precisando de ajuda e aparece uma tolice dessas, cada uma viu.
P.S²: 6 fotos? Hihi, peguei mania do episódio passdo de pegar a quantidade de fotos que é o número do episódio.
P.S³: Minha próxima Review, “How I Met Your Mother 7×01“, aguardo anciosamente dia 19/09!

Nota: 8.6

Publicado em agosto 10, 2011, em Review, Sirens. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: