Review – The Vampire Diaries 3×01 – The Birthday

A temporada mais sexy de Vampire Diaries acabou de chegar.
Finalmente. Depois de 4 meses de espera, Vampire Diaries está de volta. E está de volta bem molhadinha. Na Season Premiere, vimos cada indecência que me senti vendo um episódio de menor promiscuidade de True Blood.

Tivemos um leve avanço no tempo, já que estamos praticamente quase no início das aulas, com Elena completando 18 anos e Stefan ainda lá, ganhando muita penetração gay de Klaus, procurando também um lobisomem para o moço entrar na orgia também e fazer filinhos. É engraçado pensando que Elena fez 18 anos, considerando TUDO o que ela já passou. O episódio foi bom, pelo menos, pois finalmente tirou um pouco da atenção da protagonista e vimos outros e VÁRIOS outros personagens brilharem também.


Pra começar, Damon já começou o episódio fazendo indencência e mostrando o peru para Elena, na maior cena sem roupa que o ator fez na série até agora. Obviamente Damon estava mostrando o presente de aniversário que ele daria para Elena, mas ela ficou muito tímida para ganhar. Ela precisa liberar a pikachu logo pro vampirão.

Não era novidade nenhuma que o início do episódio ia mostrar o novo casal, Stefaus, matando todas. Delicinha aquela cena e o episódio teve mais sustos do que antecipei. Bonitinho mesmo foi Stefan dando uma de Ste-foda para cima de Klaus, falando que iria fazer com que Damon nunca mais os procurasse, matando a foda-velha de Damon. Convenhamos que está bem mais fácil de gostar do narigudo agora, sendo muito, muito, muito mau. O pior é que mesmo tentando, ele não consegue não se importar, ligando na maior cara dura pra Elena e nem desejou um feliz aniversário.

Tenho que bater palmas para Jeremy. O limão azedo virou homem e agora tem BRAÇOS de homem também. Sem contar que amei a parte do baseado, pois eu também uso esses momentos para falar sobre assuntos importantes com mis amigos. Matt, por outro lado, virou o oposto do garoto maravilha que vimos nas duas temporadas: não consegue nem achar a camionete dele, que é, de longe, o maior carro que já passou por Mystic Falls.


O professor Lacraia ficou brincando de casinha com Jeremy e Elena, mas não aquela brincadeira divertida. Virou um dono-de-casa e ficou tentando ser expulso, mas nenhum dos dois o deixava ir. Senti que os três superaram a morte de Jenna muito rápido, e ainda bem que resolveram essa situação do Lacraia logo, ele próprio se enxotando da casa.

Mas nada é mais calamidade público do que Caroline e Tyler Lobinho (e agora sabemos que é lobão) se pegando. No começo, eles tentaram desfarçar a fornicação não ia acontecer logo, mas quando eles começaram a brincar de Jogos de Sedução, falando sobre o tanto que estavam com tesão por serem seres sobrenaturais. Ainda bem que finalmente Tyler calou a boca na festa, ele estava falando muito nesse episódio e já fez com que rolasse a segunda penetração do episódio, já que Stefaus tiveram penetração gay. Era só uma questão de tempo até Caroline mostrar que sabe se divertir na cama e depois levar choquinho da própria bolsa, cortesia da mãe de Tyler que resolveu ficar bravinha por ouvir os dois quebrando a cama a noite inteira. 

PS.1: Precisávamos urgentemente de Katherine para elevar toda a indecência para um novo nível, mais putinha ainda.

PS.2: Será que bruxaria funciona por telefone? Se funcionar, por favor, titio Kevin, deixe Bonnie, a boca torta, LONGE DE MYSTIC FALLS!!


Publicado em setembro 16, 2011, em Review, The Vampire Diaries. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: