Review – The Mentalist 4×01 – Scarlet Ribbons


Quatro meses se passaram desde o Cliffhanger que deixou os fãs doidos para saber as respostas para várias perguntas. Red John está realmente morto? O Jane vai ser preso? O que vai acontecer agora que ele – supostamente – matou Red John? E agora nós temos essas respostas.

Pra quem não se lembra, no último episódio Red John mandou alguém para tentar matar Hightower, que era a principal suspeita de ser cúmplice do Red John, e com Hightower morta, a culpa cairia sobre ela mesma. Lisbon, Van Pelt e seu noivo O’Laughlin ( agente do FBI), estavam com Hightower no local onde ela estava escondida quando derrepente ele atira na Lisbon e Van Pelt e Hightower atiram nele. – todo mundo esperava que fosse o O’Laughlin, Van Pelt não iria simplesmente se casar e acabar com as chances de um relacionamento com Rigsby. – Jane ficou cara a cara com Red John, que deu detalhes específicos provando que ele era realmente quem dizia ser, Jane atirou nele trê­­s vezes e se sentou normalmente para tomar um chá.
O episódio começou de onde deixou na season finale. Jane foi levado para a delegacia de polícia e estava com um semblante tranqüilo demais para alguém que havia acabado de matar um homem e que possivelmente iria para o corredor da morte, até que dois investigadores disseram que Timothy Carter, o homem que ele matou, é um respeitado homem de negócios, bom marido e pai, com nenhum antecedente criminal, e que em seu celular não havia nenhuma ligação feita para o agente O’Laughlin, muito menos uma arma junto do corpo. Apartir daí já estava na cara que não era o Red John e sim, mais um de seus jogos.
Cho, Rigsby, Van Pelt e Lisbon – que estava com o braço imobilizado e deveria estar no hospital se recuperando do tiro que levou – mesmo afastados do caso, se reuniram para tentar achar o celular e a arma que sumiram da cena do crime, mesmo não estando 100% certos que Jane não estava louco.
Lisbon e Van Pelt foram até a casa do Carter e viram que não havia nada que levasse a acreditar que ele era Red John, sua esposa Sally, parecia a melhor esposa do mundo, ela falou que ele era o melhor marido do mundo e mencionou que ele inclusive fez parte de um grupo de buscas para procurar Debbie Lubin, uma garota de 17 anos que havia desaparecido.
Tivemos a oportunidade de ver Jane usando suas habilidades de observação em um jogo de Poker com outros prisioneiros, e ele conseguiu ganhar nada mais nada menos que a bagatela de 1 milhão de dólares, que em seguida usou para pagar sua fiança para sair ajudar o resto do pessoal a achar pistas para tirá-lo da prisão.
Jane e Lisbon retornaram a casa da Sally, e após Jane fazer mais um de seus jogos mentais e para surpresa de (quase) todos, descobrimos que Debbie Lubin acorrentada a uma cama em um quarto secreto, e Sally não só sabia das coisas erradas que o marido fazia, mas como também fazia parte. Ela parecia outra pessoa, não parecia nada com aquela mulher doce que conhecemos.
Jane foi a julgamento, agora era tudo ou nada, ser preso ou inocentado, e Debbie grata pelo que eles fizeram, testemunhou a seu favor. Jane, tomou uma sábia decisão e optou por se defender sem um advogado, – quem melhor do que ele mesmo para manipular a mente das pessoas? – e fez um ótimo discurso, apelando para o emocional do júri, pedindo para que eles se colocarem em seu lugar. O júri se reuniu brevemente e voltou com o veredito, quando eu já estava sem esperanças, eis que eles dizem “not guilty”, ele foi inocentado com uma votação unânime.
Por fim, quando tudo indicava que Jane conseguiu a tão esperada vingança que ele buscava desde o piloto, ele diz com toda certeza do mundo que aquele não era Red John e que ele está vivo.
No fim das contas, aconteceu o que a maioria das pessoas esperavam, TUDO se desenrolou muito facilmente, não teve nenhuma reviravolta, Red John está vivo e Jane foi inocentado (em tempo record). No próximo episódio provavelmente vamos ter um novo caso, Van Pelt vai lidar com o fato de que atirou e matou o seu noivo e eles vão ter que arrumar uma maneira de reintegrar o grupo.
O episódios me decepcionou, e passou longe das minhas expectativas. A única coisa que serviu foi para nos mostrar que eles não conseguem resolver um simples caso sem a ajuda do Jane, estão totalmente dependentes dele, e que não importa o que aconteça, a identidade do Red John permanecerá desconhecida até o episódio final da série.

Publicado em setembro 29, 2011, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: