Review – Grey’s Anatomy 8×04 – What Is It About Men

Está mais do que comprovado que Grey’s Anatomy voltou com tudo nessa 8ª temporada.

Eu que não tinha muitas expectativas estou me surpreendendo positivamente a cada episódio. Shonda Rimes e sua equipe competente de roteiristas vem acertando em cheio, trazendo aquela qualidade e agilidade no roteiro dos episódios. Qualidade que víamos nos primeiros anos, mas que agora se torna mais interessante, pois nossos cirurgiões principais que antes eram praticamente adolescentes agora amadureceram e isso acaba se tornando muito mais interessante de acompanhar.
O episódio dessa semana trouxe uma visão diferente, geralmente somos presenteados com momentos de drama ou comédia vividos na maioria das vezes pelas mulheres da série, mas dessa vez tivemos esses momentos vivenciados pelos homens, é claro que de drama não teve nada, foram mais momentos engraçados vividos pelos cuecas do Seattle Grace.
Por mais que o episódio possa ter agradado o público feminino, pelo fato de só destacar as figuras masculinas, ele também foi feito creio eu pensando principalmente no público masculino da série, não teve draminhas de adoção e nem aborto e sim piadinhas de chulé, disfunção erétil e até de ficção cientifica.
Gostei muito da história dos nerds na disputa pela TARDIS de Doctor Who. Isso mostra que Rimes anda antenada nesse mundo e até começo a me animar e querer mais outras referências na série.

Tivemos casos bem agradáveis de acompanhar, como o do nerd que apenas quebrou os dedos dos pés na disputa pela TARDIS, mas que acabou precisando de cirurgia após enfrentar outro paciente violento, tudo para ter mais adrenalina e impressionar April, que segundo ele se parece com a princesa Dothraki, olha aí outra referência, dessa vez às “Crônicas de Gelo e Fogo”.

Mas esse cenário serviu de base para o que estava acontecendo com nossos personagens. Owen agora precisar aprender a renunciar a adrenalina da sala de urgência e das cirurgias, coisa que ele estava acostumado, para fazer o trabalho burocrático do hospital, mas até que ele se saiu bem, não ficou aquele mi-mi-mi que Derek fazia na 6ª temporada. E por falar em Derek, vou dizer que o personagem está bem chato, ultimamente não tenho gostado de suas atitudes, até entendi o discurso dele para Meredith no episódio passado, mas ainda sinto certo exagero, concordo com Karev dizendo que ele é um idiota, pois simplesmente estou começando a ter aversão ao personagem.
Ao contrário de Derek, Mark anda mandando bem apesar de pegar no pé de Avery em relação à cirurgia plástica, mas tudo acaba funcionando porque as cenas são direcionadas para o lado cômico. Mark antigamente era elemento para fazer causar dentro do hospital, sendo em sua relação com Derek e Addison ou com as mulheres em geral, mas agora o melhor direcionamento para ele é explorando esse lado já que a história dele com Lexie está estacionada, assim como a participação da atriz Chyler Leigh na série, mas já podemos ficar aliviados, pois segundos fontes online a personagem já volta no próximo episódio do dia 13/10.
Outra dinâmica que deu muito certo também foi a do Richard com Karev e Avery, pelo visto agora ele servirá como uma espécie de mentor para os jovens residentes além de brigar por casos na urgência do hospital. Foi engraçado quando ele viu que a única paciente que ele conseguiu tinha machucados falsos.
Uma coisa que realmente não me interessa é o triângulo amoroso de Bailey. O pior é que o tal do Dr. Warren some por quase um ano e agora volta do nada com ciúmes da médica, é um assunto que não vale a pena ser discutido.
Depois de quatro episódios bons só esperamos que a temporada continue nesse nível, por que com tanta série bomba nessa Fall Season iremos precisar de uma boa dose semanal de titia Shonda pra animar nossos dias.
PS: Teddy fez figuração no episódio aparecendo somente em uma cena e sem nenhuma fala. Existe personagem mais dispensável?
PS²: Derek construiu uma varanda torta e fico me perguntando por que um neurocirurgião rico ainda não contratou um profissional pra fazer isso.

Publicado em outubro 9, 2011, em Grey's Anatomy, Review. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Amei um episódio dedicado aos meninos da série! Shonda acertou em cheio o fato explorar o lado " masculino " da série. A 7ª Temporada terminou me deixando super preocupada com questão de cancelamento… agora essa preocupação está ficando de lado. Ótima review!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: