Review: Community 3×03/04/05 – Competitive Ecology/Remedial Chaos Theory/Horror Fiction in Seven Spooky Steps


Community = a série mais nerd ever.


Community continua meagradando em um episódio aceitável. Gostei da forma com que ospersonagens foram usados e como sempre, algo aconteceu para tentaracabar com o grupo de estudos. Claro que toda a culpa é do Todd.Engraçado que mesmo passando muito tempo juntos, alguns nãoconseguem aguentar mais os outros. Por exemplo, Pierce. Ele seria umvovó divertidíssimo… Se ficasse com a boca fechada.


Tivemos novamente aparticipação do professor chocolate. Gostei bastante da dinâmicaque ele traz para a sala e gostaria de ver ele com mais frequência.Também fico indignado com o que aconteceu com os LEGOS.Palminhaspara Shirley por ter soltado uma super pérola: homeopata agorasignifica amigo gay. Belíssimo!


Foi a primeira vez,porém, que ri com algo que aconteceu fora do grupo. A história deChang foi simplesmente hilária e mesmo não trazendo muitodesenvolvimento, o monólogo que ele ficava tendo consigo mesmo foidivertido.


No quarto episódio,Trobed fez todo o episódio girar em torno de diversas realidadesalternativas. Gostei de todo o episódio e não foi cansativo.Tivemos que ver seis (eventualmente sete) realidades alternativas ecada uma foi mais hilária do que a última. A que eu mais gostei sópode ter sido a que o apartamento dos dois pega fogo, começando tudoisso por causa de uma bola.


Não teve Chang e nãofaz diferença. As vezes, ele é um alívio cômico, mas Community éna realidade sobre relações humanas. Tivemos muito coração nesseepisódio. Momentos amáveis entre Troy e Britta e entre Annie e Jefftambém.


O episódio foi escritoantes do terceiro, o que faz sentido, já que no terceiro episódiomuitas das coisas que acontecem só descobrimos de fato no quarto.Por exemplo, o fato de Pierce ter falado para o professor chocolateque só havia contado sobre a trepada no avião para o grupo deestudos. Porém, só no quarto que ele de fato conta para eles…Várias e várias vezes.


Community não seriaCommunity se nessa época do ano não tivesse um episódio para oHalloween. Algo não estaria certo se não tivesse. Porém, esse foi,de longe, dos três, o episódio temático de Halloween que menosgostei.


Foi por causa do uso damesma forma narrativa usada episódio passado. Vejam, eu gostei doepisódio. Só acho que a série consegue muito bem fazer algo bomsem ter que repetir storylines.


Mesmo assim, teve alguns’contos’ que sobrevaleceram. Como por exemplo, Jeff vampiro e Annielobisomem. Prestes a ir embora, Jeff fala que quer que ela o ensine aler. Claro, vamos deixar para trás que ele é um vampiro e que vocêpossui um pescoço cheio de veias. Claramente a dinâmica entre osdois dá certo até em contos e em realidades alternativas. Outroconto extremamente hilário foi o de Troy. Hilário os dois ficaremgrudados e conseguirem terem poderes psiquicos também.


Todo mundo ficou chocadopor descobrirem que Abed é o mais normal de todo o grupo. Se bem quefaz um pouco de sentido. Legal mesmo foi o grupo ter decidido deixarcomo está, decidindo não descobrir de quem era o teste maníaco.


Community sempre sediferencia por conta de seus episódios temáticos. Agora, osepisódios temáticos tomaram conta da série inteira, tornando-a umasuper máquina de cultura pop. Quem ainda não assiste não sabe oque está perdendo. 

Publicado em novembro 3, 2011, em Community, Review. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: